home based: o que evitar ao trabalhar em casa

Para trabalhar em casa (home office) é preciso ser capaz de pensar diferente, e evitar:

1. Não fazer um orçamento realista. Muitas pessoas acreditam que em seu negócio home based elas vão, desde o início, ganhar os mesmos salários que recebiam em seus trabalhos anteriores. Isso nem sempre é verdadeiro. Trabalhar em casa pode exigir algumas despesas que você não teria como empregado em uma empresa e, talvez, no início, você poderá ganhar um pouco menos. Comece por determinar o dinheiro que você precisa para se manter.

Determine um valor fixo que você receberá de sua empresa como pró labore e nunca confunda o lucro da empresa com seu salário. Pelo menos de início, estabeleça um valor fixo e realista que você receberá por mês e com o passar do tempo e à medida que a sua empresa for crescendo você pode ir aumentando este valor até chegar ao que você recebia anteriormente e, inclusive, superar este valor.

2. Não cobrar o suficiente dos seus clientes. Se você trabalha oferecendo um produto ou serviço, você precisa ter certeza de que está cobrando o suficiente para cobrir suas despesas e que ali consta o verdadeiro valor do seu tempo. Em um esforço para entrar no mercado, muitos proprietários de novos negócios baixam demais os seus preços. O problema com isto é que se você subestimar o valor do seu trabalho os seus clientes também vão fazer isso.

Além disso, com preços muito baixos, você pode não cobrar o suficiente para manter seu negócio e cobrir suas despesas. Para fixar o preço corretamente você precisa levar em consideração a quantidade de tempo necessário para entregar o serviço ou produto, e suas despesas gerais. Se você cobrar R$ 100,00 por um serviço que leva cinco horas para ser entregue, você estará ganhando R$ 20,00 por hora. Mas tente calcular se R$ 20,00 por hora será suficiente para pagar suas despesas, tais como conexões com a Internet, materiais publicitários e outros custos associados com a realização do negócio.

3. Trabalhar sem contrato. Desenvolva sempre um contrato de negócios tanto para empresas baseadas em serviços como para negócios baseados em produtos para proteger você e seu cliente. Os contratos não só ajudam a garantir que os valores combinados sejam pagos como também evitam problemas legais. Ele também vai ajudar a deixar claro que ambas as partes sabiam exatamente o que havia sido acordado. Um contrato de serviços deve definir o trabalho que vai ser realizado, o prazo para a entrega, informações de pagamento, etc. Nunca trabalhe sem contrato, pois assim você evitará grandes dores de cabeça.

4. Não manter uma imagem ou atitude profissional. O cliente nem sempre tem razão (mas ele deve pensar que tem), e ele deve sempre ser tratada com respeito. Em mais de uma ocasião, você pode encontrar pessoas querendo solicitar um reembolso – às vezes usando uma linguagem dura – para os produtos ou serviços que, segundo eles, não atenderam as suas necessidades.

É normal ficar aborrecido e querer expressar essa irritação. Mas saiba que um cliente ruim pode dar-lhe mais dores de cabeça que dez clientes bons. Portanto, seja sempre respeitoso e útil.

Você deve ser sempre muito profissional. A imagem profissional não é apenas como você trata as pessoas, mas como você é visto em sua comunidade. Antes de fazer negócio com você, um potencial cliente pode fazer uma busca por seu nome e sua reputação. Separe seus perfis pessoais e profissionais on-line, tornando o seu pessoal privado somente para os seus amigos. Você pode compartilhar informações pessoais nos seus perfis de negócios, mas evite qualquer coisa que possa ofender seus clientes ou potenciais clientes.

5. Não fazer Marketing. Sem marketing, você não tem um negócio. O seu dinheiro vem do marketing. Comece por identificar o seu público alvo e o que você poderá fazer para levá-los a comprar. A estratégia não é o quão grande você ou sua empresa é, mas como você ou sua empresa pode tornar a vida do seu cliente melhor. Em seguida, determine onde o seu público alvo pode ser encontrado e crie materiais de marketing para colocar na frente deles. Tente desenvolver um plano de marketing que inclua fazer pelo menos uma tarefa de marketing, se não mais, a cada dia.

Ao seguir (ou não seguir, melhor dizendo) as recomendações acima as suas chances de obter um enorme sucesso aumentarão expressivamente. Você poderá dizer:

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*